Sexta-feira, 6 de Novembro de 2009

Duna

 

Rola a areia no areal

Entre salpicos de sal

Seu caminho é o do vento
Sem abrigo do tempo
 
Rola a areia no areal
Olha a onda enrolada
Fustiga o grão indefeso
Mesmo se molhado, coeso
 
Rola a areia no areal
Fita ao longe a duna
Da raiz do juncal
Faz abrigo da espuma
 
Desconhecia tamanha beleza
Que tão perto de si coexistia
Rolava apenas no areal
Mais queria mas não podia
 
Doravante já não rola
Antes mira o horizonte
Por sinal o admira
Do canto do seu monte
 
Quantas vezes rolamos, rolamos, ao sabor do vento, sem saber muito bem porquê porque apenas temos que nos preocupar com o rolar… até que um dia encontramos um abrigo e paramos. Olhamos à volta e ficamos surpreendidos com tantas coisas lindas que nos rodeiam e que, apesar de tão perto, nunca reparamos nelas.
 
PS: obrigado por seres o meu abrigo! Apesar de já ver menos bem, ainda consigo ver muito mais do que via antes, quando via melhor.
 

 

publicado por jangadadecanela às 11:17
link do post | comentar | favorito
12 comentários:
De mafalda a 6 de Novembro de 2009 às 11:56
sempre tão envolve e livre!
sempre tão delicado e forte!
sempre tão... tão... tão... apaixonado! :)
o post está lindo, luís, mesmo muito lindo.
beijinhos e... bom aniversário, amanhã ;)
De jangadadecanela a 9 de Novembro de 2009 às 09:46
olá Mafalda,

sempre tão atenta ao que escrevo :) obrigado!

há datas que nunca se esquecerão, ficam inscritas em nós, esta foi uma delas... basta lembrar-me do dia 7 de Novembro para me nascer um enorme sorriso...

um abraço
Luís
De Sorriso a 6 de Novembro de 2009 às 16:20
Vês muito mais, porque vês com o coração. :)

Beijinhos
De jangadadecanela a 9 de Novembro de 2009 às 09:47
olá

Vemos todos, mas por vezes optamos por fechar os olhos, muitas vezes porque doi demais... quando o coração está "livre" torna-se mais facil "ver"...

um abraço
Luís
De MIGUXA a 6 de Novembro de 2009 às 19:10

Image


De jangadadecanela a 9 de Novembro de 2009 às 09:48
....e uma optima semana para ti!

um abraço
Luís
De Cátia a 6 de Novembro de 2009 às 19:44
é verdade...

Rolamos muitas vezes sem saber o porquê de o fazer-mos. Mas quando paramos, e olhamos com olhos de ver, vemos coisas que são capazes de nos surpreender.
De jangadadecanela a 9 de Novembro de 2009 às 09:49
olá Cátia,

é isso mesmo, por vezes há um mundo lindo, bem ali, à nossa porta :)

um abraço e uma optima semana
Luís
De comecardenovopt.blogspot.com a 8 de Novembro de 2009 às 13:26
Andamos muitas vezes ao sabor do vento, ao sabor das marés, ao sabor dos interesses desta sociedade que nos obriga a rolar e a correr; ficamos sem tempo para nos darmos conta do que se passa à nossa volta; estamos mais velhos, os nossos olhos começam a deixar-nos ficar mal, mas, mesmo assim, me parece, que estou enxergando melhor as coisas e, engraçado, as mais pequeninas, com a experiência da vida, comecei a utilizar mais os olhos do coração e esses não precisam dos óculos. Gostei muito e, porque sempre gosto muito, tens no começar de novo um carinho. Espero que gostes. Um beijo
Emília
De jangadadecanela a 9 de Novembro de 2009 às 09:53
olá Emília,

Acredito que cada um de nós foi talhado para deixar a sua marca neste mundo, de formas diferentes. Uns deixam a sua marca no campo profissional, outros na relação com a sua familia e amigos, outros em ambas, outros deixam marca em si próprios...

a diferença penso que está mesmo aqui, quando dexamos a marca só em nós... e perdemos a possibilidade de ser alguem mais do que nós proprios... e isto dava agora pano para mangas...

um abraço e boa semana
Luís
De Em Fá Sustenido a 8 de Novembro de 2009 às 15:27
os poemas são sempre fantásticos!
talvez, quando for a Praga, ao ver as vistas como eu vi, arranje inspiração para escrever um sobre o que viu lá :D

beijinho*
De jangadadecanela a 9 de Novembro de 2009 às 09:56
olá

obrigado :)

ja ouvi falar muito bem e acredito que vá corresponder às expectativas que tenho... :) e terei concerteza motivos para escrever sobre ela....

um abraço e boa semana!
Luís

Comentar post

.quem sou...

.Poesia


.pesquisar

 

.posts recentes

. Natal

. Viagem

. Amanhecer

. Esperança

. Sabor a Saudade

. É assim... e que sempre a...

. Infinito

. ...

. Ser

. 21 DE JULHO

. ...

. Tão Veloz Como o Desejo

. Alto Douro Vinhateiro

. O meu leito

. Astrolábio

. Aberto ou Fechado

. ...

. Risco

. SER...

. Partes

.favorito

. DE MÃO NA MÃO

. O CORAÇÃO ...

. DIVAGANDO ...

. AMOTE

. PORQUE...

. NÓS

. "HÁ GENTE QUE FICA NA HIS...

. OBRIGADA POR SERES EGOÍST...

. OU É UMA COISA OU OUTRA

. VAMOS TIRAR UMA FOTO?

.arquivos

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

.tags

. todas as tags

RSS

.pauzinhos...

online