Sexta-feira, 30 de Maio de 2008

Indecisão

 

Momentos sentidos
Numa lucidez perdida
Nunca esquecidos
São parte da vida
 
Uma dia de vida
Uma estrada sem saída
Em que decidi ficar
Quando podia saltar
 
Ainda trocamos
Lágrimas de amor
Juntos concordamos
Não suportar a dor
 
Impotência fatídica
Roubou-me o chão
Decidi voar
Pedir-te um “não”!
 
Em frente à igreja
Cobarde sem jeito
Meu Deus, tanta inveja
Devia ser eu o eleito
 
Por dentro a chorar
Num resto de esperança
Sonhei lá entrar
Roubar a aliança
 
Amor sem jeito
Parecia perfeito
Um doce amar
Um simples olhar
publicado por jangadadecanela às 15:43
link do post | comentar | favorito
12 comentários:
De pingodemel a 30 de Maio de 2008 às 16:35
"decidi ficar quando podia saltar"...é aquele momento em que temos que decidir :)
aqui deixo um beijo e os desejos de um bom fim de semana ...até segunda :)
De jangadadecanela a 30 de Maio de 2008 às 16:54
normalmente nestas alturas não temos muito tempo e ponderamos demasiadas coisas mas o importante é aprender e saber viver com as decisões que se tomam ao longo da vida...

um beijo para ti também, um abraço sentido e desejo de um optimo fim de semana, de preferencia com sol.

:)
De pingodemel a 30 de Maio de 2008 às 17:20
...aprender a viver com as decisões que tomamos é saber viver, até porque só temos uma vida e o esquisso da vida já é a própria vida, não é como um quadro onde fazemos primeiro o esquisso e depois podemos alterar :)
...e por aqui fico, caso contrário ficava aqui o resto do dia a falar deste tema :)
De Velucia a 30 de Maio de 2008 às 16:47
Indecisão, dúvida que não nos deixam caminhar.
A esperança é um sonho.
Roubado ou não...
Esperamos um dia
O Amor perfeito.

De jangadadecanela a 30 de Maio de 2008 às 16:56
olá,

depois da indecisão vem a determinação. determinação em viver o melhor possivel a vida que temos, com o que temos. estamos sempre a aprender e a sentir... isso ninguem nos tira...

um dia, quem sabe, esse amor nos encontra.

beijo
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 30 de Maio de 2008 às 17:24
A dor de ver o ser amado casar com outra pessoa que não nós e não se ter a coragem para travar esse acto, é uma dor que só quem passa por ela sabe dar o devido valor, o resto, esses podem imaginar mas nunca saberão dar o devido valor de se abdicar de um grande amor, depois...bem depois há que ter forças para continuar a caminhada e sonhar...
Querido gostei, embora triste mas é a perfeição do sentimento que acabei de descrever, se se passou contigo...coragem e força, vai em frente pois como se costuma dizer: em frente é que é Lisboa ( irónico não é? ) se não o foi! está magnifico...
beijinho terno e doce...
De maria a 30 de Maio de 2008 às 19:21
sermos trocados por outro/a!
sem dúvida, dói e faz mal à nossa auto-estima.E vem sempre aquela pergunta O que é que ela tem que eu não tenho? provavelmente nada. o segredo é mesmo seguir em frente com a nossa vida, fortalecermos a nossa imagem, a nossa cultura, a nossa qualidade de vida... o nosso "eu". demora é o seu tempo!
E a vida dá muitas, muitas voltas.... e o mais irónico é que muitas vezes volta ao ponto inicial e o que parecia impossível acontece. Eu acredito que o que é nosso às nossas maõs vem ter, mas também tento nos intervalos em que não tenho o que quero ou a pessoa que quero, tento sempre evoluir.
E O "SEGREDO" É SEMPRE CONCENTRARMO-NOS NO QUE FOI BOM, POSITIVO NA RELAÇÃO E AFASTAR OS PENSAMENTOS NEGATIVOS, O QUE FOI MAU.
E estarmos aqui a ler bons poemas e a trocarmos experiências de vida é muito positivo!
bom fim de semana,
um abraço!
De jangadadecanela a 30 de Maio de 2008 às 19:29
Olá Maria,

o importante é, como tu dizes, estarmos hoje aqui a falar, a escrever sobre tudo sem sentir nada de negativo e tentar sempre aprender com as decisões que tomamos.

o futuro é uma incognita pelo que...

tudo pode acontecer!

Um grande beijo e obrigado pela tua visita!
Luís
De MIGUXA a 30 de Maio de 2008 às 19:22
Olá, Luis

Foi difícil, calculo mas, quem sabe talvez a melhor decisão entre as possíveis opções??

Nem sempre tudo corre como desejamos, é esse mesmo o sentido da vida, dar-nos a possibilidade de escolha e acarretar com as respectivas consequências.

Há uma vida pela frente ....

Xi-kor
Margarida
De jangadadecanela a 30 de Maio de 2008 às 19:30
quem sabe?... eu não sei e já deixei de pensar nisso...

olho agora para o futuro e vivo o presente...

um beijo Margarida
Luís
De Café com Natas a 31 de Maio de 2008 às 22:45
Este doeu... ler.
Entendo que entendes o que é entender o Amor... libertá-lo acima de tudo... e acarinhá-lo na memória de se ter tido a felicidade de se conhecer algo tão grande, tão intenso.
Quando se ama verdadeiramente, Luís, ama-se para sempre... e o resto é acessório... se há presença ou não, se somos os eleitos ou não, seja lá qual for a decisão... depois é seguir o caminho que se escolheu e recordar com carinho aquilo que as circunstâncias da vida impediram.
Um abraço para ti
Beijinho
De jangadadecanela a 31 de Maio de 2008 às 23:09
sem tirar nem por... obrigado por entenderes.

abraço, Luis

Comentar post

.quem sou...

.Poesia


.pesquisar

 

.posts recentes

. Natal

. Viagem

. Amanhecer

. Esperança

. Sabor a Saudade

. É assim... e que sempre a...

. Infinito

. ...

. Ser

. 21 DE JULHO

. ...

. Tão Veloz Como o Desejo

. Alto Douro Vinhateiro

. O meu leito

. Astrolábio

. Aberto ou Fechado

. ...

. Risco

. SER...

. Partes

.favorito

. DE MÃO NA MÃO

. O CORAÇÃO ...

. DIVAGANDO ...

. AMOTE

. PORQUE...

. NÓS

. "HÁ GENTE QUE FICA NA HIS...

. OBRIGADA POR SERES EGOÍST...

. OU É UMA COISA OU OUTRA

. VAMOS TIRAR UMA FOTO?

.arquivos

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

.tags

. todas as tags

RSS