Sexta-feira, 13 de Junho de 2008

Fico bem

 

 
Por ti nasci contra as probabilidades
Por ti aprendi com as adversidades
 
Foi por ti que cresci para ser homem...
 
Por ti assentei a pensar na velhice
Senti que a morte não passa de uma tolice
 
Foi por ti que sonhei noites a fio!
 
Por ti esperei agarrado à esperança
Senti que o amor alimenta na lembrança
 
Foi por ti!...
… que encarei a vida como um desafio!
 
Por ti sempre me levantei depois de cair
Aprendi que amar é mais que sentir
 
É prazer em cuidar
É receber no dar
Não ter medo de esperar
Não precisar de voar
 
É por ti
Que por mim
Fico aqui…
tags:
publicado por jangadadecanela às 17:28
link do post | favorito
De folha a 13 de Junho de 2008 às 23:01
Luis mais uma vez um poema lindo.......lindo .......como tu dizes amar é prazer de cuidar é dar sem recebber
Adorei o final ---È por ti ....Que por mim .....fico aqui.....
senti como uma parte do meu ser a soltar o Amor que existe em mim ........mas que precisa ser solto para perder o medo de amar e sentir.
És uma dádiva, não há muitos homens assim.
Que as madressilvas soltem o seu perfume quando por elas passares.
De jangadadecanela a 15 de Junho de 2008 às 03:09
Olá...

ainda bem que gostaste. quanto a eu ser uma dávida, não tenho tanta certeza assim... já fiz coisas menos boas na vida, ja errei, já fiz sofrer... hoje em dia só quero não magoar ninguem... e continuar a exprimir o que tenho guardado cá dentro...

um abraço
Luís
De folha a 15 de Junho de 2008 às 19:23
Olá Luis.....como eu li algures e que acredito cada vez mais ser verdade "nada acontece por acaso".........andava eu aqui nesta para mim nova descoberta.........e surgiram os teus poemas.....senti que era a minha alma refletida.........se calhar porque a perfeção "interior" têm sido para mim um calcanhar de Aquiles........também já errei muitó, principalmente porque deixei que me fizessem sofrer muito, e o mais giro é que eu "via e não via", daí o concordar que o maior cego é o que não quer ver ........posso diser-te que é bom esta partilha............porque o que tenho cá dentro é imenso e "a quem eu quis dar teve medo" e simplesmente foi...........por isso hoje sou uma folha ao vento saboreando a suave brisa.
Um beijo grande pela oportuidade de ter uma troca de mimos.
De jangadadecanela a 15 de Junho de 2008 às 20:44
Ola Folha...

Porque não criares o teu blog para partilhar o que tens aí dentro?

abraço
Luís
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.quem sou...

.Poesia


.pesquisar

 

.posts recentes

. Natal

. Viagem

. Amanhecer

. Esperança

. Sabor a Saudade

. É assim... e que sempre a...

. Infinito

. ...

. Ser

. 21 DE JULHO

. ...

. Tão Veloz Como o Desejo

. Alto Douro Vinhateiro

. O meu leito

. Astrolábio

. Aberto ou Fechado

. ...

. Risco

. SER...

. Partes

.favorito

. DE MÃO NA MÃO

. O CORAÇÃO ...

. DIVAGANDO ...

. AMOTE

. PORQUE...

. NÓS

. "HÁ GENTE QUE FICA NA HIS...

. OBRIGADA POR SERES EGOÍST...

. OU É UMA COISA OU OUTRA

. VAMOS TIRAR UMA FOTO?

.arquivos

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

.tags

. todas as tags

RSS