Quinta-feira, 10 de Julho de 2008

Saudades

 

A tua pele chamou por mim
Mesmo antes de chegar a ela
A tua aura atravessou o olhar
Para que te visse sempre bela
 
Está escrito nos teus olhos
O amor que tens partilhado
Chego e sinto-me amado
 
“Meu Amor tenho saudades”
É o que suspiro ao teu lado
Por muito perto que esteja
Nunca é demais ficar abraçado
 
Por vezes penso no fim
Num dia em que ficasse sem ti
Deixaria de ser quem sou
Se deixasses de habitar em mim
 
Falo só em pensamento
Antecipo já o momento
Em que no silêncio da noite
Te digo por um longo beijo
Que não existo se não em ti…
tags: ,
publicado por jangadadecanela às 09:52
link do post | comentar | favorito
43 comentários:
De pingodemel a 10 de Julho de 2008 às 10:38
olá Luis
...saudade...a saudade doi e a que mais doi é aquela que temos dos momentos em que não vivemos, aquela que queriamos viver ...
..."Te digo por um longo beijo que não existo se não em ti…" porque um beijo fala e mais importante que as palavras são as "falas" dos actos/gestos ... afinal "quem não entende um olhar jamais entenderá uma longa explicação" e não é que uns amem mais que outros ... mas uns sabem falar do tema e outros não...e aí os gestos ajudam :)
abraço
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 10:49
bom dia Joana,

estou feito...

apesar de escrever imenso, sou de poucas palavras... e nos gestos/actos fui ou tenho sido mal-interpretado (este é o meu ponto de vista é claro)...

estou duplamente feito... :)

abraço
Luís
De pingodemel a 10 de Julho de 2008 às 11:25
(ia-te mandar um texto do Miguel Falabella sobre a saudade mas não consegui colocar aqui o lnk, é um texto que gosto muito, se entretanto conseguir mando-te)
...e não estás nada feito, basta que antes de sair deixes um poema em cima da mesa do pequeno almoço que de certeza que alguém vai ficar a perceber o que sentes e vai ficar cheia de saudades até te reencontrar :)
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 11:51
:))))

conheço uma história engraçada sobre um casal em que ele fazia algo semelhante. Tinha o hábito de deixar escondido um bilhete todas as manhãs à esposa, antes de ir trabalhar. De tão rotineiro que era, a esposa um dia disse-lhe que dava uma trabalheira procurar o tal bilhete todos os dias… ele… deixou de os escrever… e ela… sentiu na pele a falta daquele mimo, que parecia estúpido e infantil…

Anos passados, ela percebeu que era naquele gesto que estava implícito o amor que ele tinha por ela… era ali que ele todos os dias renovava os seus votos de amor e de carinho…

no meu futuro espero que aconteça algo do género que referes, algo que permita o entendimento principalmente, por gestos, palavras ou olhares...

um abraço...
De pingodemel a 10 de Julho de 2008 às 11:58
http://poemaspravoce.vilabol.uol.com.br/miguelfalabella.html o link do poema

essa história fez-me lembrar a do café que postei aqui atrasado...vês Luis a importância da rotina?...é pena é só a valorizarmos quando deixa de existir :)
beijo
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 12:32
ja lí... faz tudo sentido...

na altura ainda pensei em contar esta historia mas nao me pareceu o momento certo...

há rotinas que nunca deveriam ser entendidas como tal...

um beijo...
De pingodemel a 10 de Julho de 2008 às 12:40
:) ... há pessoas que não gostam de chamar as "coisas" pelo nome ... o nome rotina por si só parece desagradável ...mas repara : um invisual por mais que seja invisual nunca deixa de ser cego ... e o caso que contas, por mais que seja uma demonstração de amor , um acto de amor...não deixa de ser rotina ... ok, eu sou estranha...mas é assim que eu vejo as coisas :)
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 12:50
é como dizes, as pessoas assim a rotina algo de negativo quando, por vezes, a mesma só deveria ser entendida como positiva...

as crianças são mestres nesta matéria... tira-lhes uma rotina da qual elas gostam e vê o que acontece... para elas são presentes recorrentes...

De rose a 13 de Julho de 2008 às 14:31
Muito bonita essa história...! mas triste! (fiquei de lágrima no olho!) perder pequenos instantes que nos fazem sorrir é muito triste! o amor é o que nos completa, tem de ser treinado todos os dias!
beijos
De jangadadecanela a 13 de Julho de 2008 às 22:35
olá,

esta é uma historia que se aplica tantas vezes no dia a dia de pessoas que conhecemos, embora não de forma tão forte... parece que com o tempo deixamos de perceber o quão importante é, como tu dizes, alimentar o amor...

beijo
Luis
De Bichana a 10 de Julho de 2008 às 11:04
Bom dia Luís, cá estou eu a tomar o meu anti stress diário... gostei tanto do teu escrito! Cada vez escreves melhor! Até eu fiquei agora com saudades...
Bjnhos
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 11:38
Olá,

anti-stress servido com direito a sorriso extra... :)

um beijo
Luis
De Bichana a 10 de Julho de 2008 às 12:22
De Vanda a 10 de Julho de 2008 às 13:40
Saudade.....
Saudade é a minha maior dor....
Tenho saudades da voz, do riso, do afago.....
Vivo com ela dia a dia, sabendo que existirá em mim para sempre.
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 14:17
olá...

um dia será saudade-sorriso, pelo reconhecimento de que vivemos verdadeiramente...

:)

abraço
Luis
De mautemponocanal a 10 de Julho de 2008 às 14:16
Lindo poema... Consegue transmitir na perfeição o que se lê. Transportou-me de imediato para outro lugar.
Parabéns!
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 14:19
olá...

obrigado pela visita... e fico muito contente por saber que consigo chegar a quem lê... é assim que faz sentido escrever e que dá prazer ao mesmo tempo...

muito obrigado,
Abraço
Luís
De sopadepoemas a 10 de Julho de 2008 às 14:24

Olá, Luís!

"Se deixasses de habitar em mim"
"Que não existo se não em ti"

Lindo! Estas duas frases dizem muito...

Um beijo
Kika

De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 17:51
Olá Kika,

são as 2 frases chave do poema no meu entender....

um beijo
Luís
De sopadepoemas a 10 de Julho de 2008 às 18:11

É isso mesmo! Dizem muito e dizem tudo.

Um beijo
Kika

De Pérola a 10 de Julho de 2008 às 14:41
Uma palavra apenas: Lindo!
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 17:52
Olá Elsa,

devias ver-me todo babado... obrigado :)))

abraço
Luis
De Blue Eyes a 10 de Julho de 2008 às 15:37
Oi Luis!
Só queria pegar no teu poema e transformá-lo num acto real, com outra pessoa.
Parece que me andas a ler os pensamentos!

Grande abraço!
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 17:53
Olá Ricardo,

Força!...

um grande abraço!
Luís
De αcσяeαnα a 10 de Julho de 2008 às 17:06
*suspiro*

Gosto da ultima frase do poema =)
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 17:54
Olá...

é uma das duas frases do poema que para mim dizem tudo... :)))

um beijo
Luís
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 10 de Julho de 2008 às 18:56
" Por vezes penso no fim
Num dia em que ficasse sem ti
Deixaria de ser quem sou
Se deixasses de habitar em mim "

Este ficou-me, diz-me algo que sinto, sentimento que partilho...

como sempre maravilhas-nos com belas e doces palavras...

beijinho terno e doce
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 21:27
ola Estrelinha...

não mereço tanto mimo... obrigada!

beijinho terno e doce
Luis
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 10 de Julho de 2008 às 18:57
vou levar esta quadra para o meu espaço espero que nao te importes
De jangadadecanela a 10 de Julho de 2008 às 21:28
podes sim Estrelinha... podes :))))
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 10 de Julho de 2008 às 22:25
já lá está, e bem visivel...
é lindo



boa noite,beijinho
De jangadadecanela a 11 de Julho de 2008 às 09:36
Olá,

É um privilégio...


beijinho
Luís

Comentar post

.quem sou...

.Poesia


.pesquisar

 

.posts recentes

. Natal

. Viagem

. Amanhecer

. Esperança

. Sabor a Saudade

. É assim... e que sempre a...

. Infinito

. ...

. Ser

. 21 DE JULHO

. ...

. Tão Veloz Como o Desejo

. Alto Douro Vinhateiro

. O meu leito

. Astrolábio

. Aberto ou Fechado

. ...

. Risco

. SER...

. Partes

.favorito

. DE MÃO NA MÃO

. O CORAÇÃO ...

. DIVAGANDO ...

. AMOTE

. PORQUE...

. NÓS

. "HÁ GENTE QUE FICA NA HIS...

. OBRIGADA POR SERES EGOÍST...

. OU É UMA COISA OU OUTRA

. VAMOS TIRAR UMA FOTO?

.arquivos

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

.tags

. todas as tags

RSS

.pauzinhos...

online